10 tendências de decoração que você deve dizer ADEUS imediatamente! -

10 tendências de decoração que você deve dizer ADEUS imediatamente!

O que acontece com as tendências é que elas vêm e vão. É inevitável – especialmente quando as pessoas passam muito tempo em casa.

Como todos nós trabalhamos para tornar nossos espaços os melhores possíveis para várias atividades, certas tendências de design declinaram ao longo do caminho. Para saber mais, perguntamos aos designers de interiores: Quais as tendências de interiores devemos dizer adeus em 2021?

Veja também:
1. Paredes de destaque pintadas

Embora as paredes pintadas possam criar personalidade em um espaço, o designer de interiores Justin Q. Williams, da TradeMark Design Co., disse à Hunker que eles estão sendo substituídos por uma nova tendência: papel de parede e revestimentos de parede. “A pintura pode transmitir negócios inacabados”, diz ele. “Devemos usar um revestimento de parede para complementar perfeitamente todo o design.”

2. Interiores totalmente brancos
Sala com tapete
Imagem: Michelle Berwick Design

“Todos nós amamos o visual clean e todo branco do interior quando ele apareceu pela primeira vez”, disse a designer Candice Kaye, da Candice Kaye Design. “Estava fresco e clean e, bem, fácil de reproduzir. Mas as paredes brancas estão sendo cobertas com papel de parede, textura como gesso ou técnicas de pintura à mão para obter uma aparência de concreto natural.”

3. Móveis e espaços para uso único

A designer de interiores Delia Kenza, da Delia Kenza Interiors, de Brooklyn, disse que viu um declínio em móveis e espaços que abrigam um único propósito. Em vez disso, ela nos aconselha a ficar de olho nas “mesas de jantar com abajures que podem servir como escrivaninha, ou um banquinho que pode ser uma mesa de bebidas, um descanso para os pés ou até uma mesinha de centro”.

4. Móveis elegantes, não funcionais

“Conforme as pessoas passam mais tempo em casa e trabalham remotamente, elas começam a entender que seus móveis têm que ser mais confortáveis”, disse a designer de interiores Lorna Gross, da Lorna Gross Interior Design. “Assim, a maioria das pessoas não usa tanto móveis que são simplesmente agradáveis ​​de se ver – eles precisam que sejam funcionais e confortáveis ​​também.”

5. Conjuntos de móveis correspondentes

Williams acrescenta que os conjuntos de móveis combinando estão começando a parecer antiquados. “Na minha opinião, conjuntos combinados ou peças de móveis idênticas não mostram o estilo pessoal do cliente”, explica ele. “Como designer, gosto de selecionar peças com cores e estilos que se complementam.” Ele também prefere escolher peças individuais com base na personalidade do cliente.

6. Estilo moderno tradicional 

A modernidade de meados do século está em declínio, enquanto o design misto e combinado está a caminho. “Estamos atualizando a tendência popular adicionando acabamentos mais quentes”, diz Kaye, acrescentando que tem visto um aumento no número de sofás grandes e orgânicos tratamentos de parede e painéis de madeira. “Recentemente, vi uma casa de meados do século misturada com toques boêmios e me apaixonei!”

7. Tons de cinza frios

“Muitas pessoas estão sentindo que os tons de cinza frios anteriormente populares em toda a casa são muito estéreis”, disse Gross. “Nestes tempos sombrios, os proprietários estão procurando algo que eleve o clima e estão optando por brancos e neutros mais quentes com toques de cor.”

8. Azulejos de metrô simples

Quando se trata de ladrilhos de metrô, Kenza sente que ladrilhos brancos lisos não estão mais funcionando. “As pessoas estão pedindo formas, cores, texturas e padrões abstratos”, diz ela. Kenza também está percebendo um aumento nos azulejos do metrô com layouts exclusivos.

9. Portas de celeiro
Foto: Peter Schweitzer

“As portas de celeiro assumiram o controle da indústria há cerca de dez anos, mas essa tendência está caminhando para o fim”, diz Williams. “A tendência está sendo substituída pelas tradicionais portas francesas clássicas, portas modernas e portas clássicas de grade de ferro, que eu definitivamente aprecio.”

10. Peças produzidas em massa

Kenza afirma: “A mobília de fábrica produzida em massa acabou. As pessoas estão adorando peças feitas à mão que têm uma história. O vintage está na moda, bem como cerâmica, azulejos e iluminação de pequenos lotes”.  Kaye apoia essa opinião, acrescentando que a mídia social tornou muito mais fácil para as pessoas encontrarem peças únicas para suas casas.

Veja também:

Fique por dentro de nossas notícias na página do DecorStyle no Facebookou no nosso site  www.decorstyle.ig.com.br

Veja também:

+ Descubra as maiores tendências de cozinha que estão bombando em 2021

+ Cozinha afetiva: dicas e inspirações para uma decoração que exalta as memórias

+ A “Moto do Ano 2021” na Alemanha

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Conheça o iate de luxo de Giorgio Armani: ele mesmo projetou e custa R$ 330 milhões

+ Cozinhas coloridas: veja dicas essenciais para apostar em projetos alegres, modernos e joviais

+ Previsões de Nostradamus para 2021: Asteróide e ‘fim de todo o mundo’

+ Bruna Lombardi posta foto nua aos 68 anos

+ Bruna Marquezine posa de biquíni no Copacabana Palace. Confira as fotos!

+ Os 3 signos mais sensitivos do zodíaco

+ Os ‘Sapatos de Satanás’ do rapper Lil Nas X conterão uma gota de sangue humano

+ O bico do seu p… é rosa? Juliana Caetano, responde a fã de maneira ousada







arrow