5 dicas infalíveis na hora de escolher as estantes para sua casa -

5 dicas infalíveis na hora de escolher as estantes para sua casa

As estantes chamam atenção não apenas pelo visual, mas também pelos vários papéis que cumprem no projeto. Desde dividir ambientes, sem isolá-los totalmente, até expor coleções, objetos de decoração, livros e porta-retratos, elas organizam os espaços e valorizam lembranças.

Foto: Reprodução/Patricia Penna

As dimensões, estilos, acabamentos e materiais das estantes devem ser analisados, pois elas podem estar em todos os ambientes! Em uma estante tudo é possível, incluindo a mistura de materiais, cores e funções. O mais importante é considerar a sua relação com o ambiente:

Veja também:
1) Estantes sob medida:

Para começar esse guia sobre estantes, aqui estão as vantagens de contar com a opção sob medida. “Sem dúvidas, é a melhor alternativa para criar um móvel que atenda aos mais específicos desejos e funções”, explica a arquiteta Patricia Pena.

Foto: Sergio Israel

Estar atento às medidas é importante. Em linhas gerais, a recomendação é não projetar vãos muito baixos, pois seu acesso é fica complicado. Ou seja, um afastamento de 30 a 35 cm do piso, no mínimo, já permite mais conforto.

O vão entre as prateleiras pode também seguir estas mesmas medidas. Desse modo, itens como livros, vasos de plantas e adornos, em geral, caberão. Caso haja a necessidade de um vão maior, para um objeto especifico (como uma escultura, ou um quadro), as dimensões, certamente, podem ser ajustadas.

“É importante haver a definição do que a estante acomodará para, também, haver um cálculo do peso que ela deverá suportar”, comenta a arquiteta.

2) Ilmuminação de estantes: 

O próximo passo é pensar na iluminação da estante. Os dois sistemas mais usados em projetos são: iluminação no forro, com embutidos ou peças de sobrepor direcionáveis, e as fitas de LED, instaladas na estante. Em ambos sistemas, é possível criar efeitos bastante interessantes, desde uma atmosfera aconchegante e intimista, à iluminação mais “alegre” e forte.

No entanto, ailuminação ideal dependerá da função que a estante exerce no ambiente, bem como do que estará exposto nela.

Foto: Marco Tiê

A instalação de LED pode ser feita nas laterais da estante ou em suas prateleiras. Tudo dependerá do desenho e construção da estante. A luz será sempre difusa, uniforme e agradável aos olhos, perfeita para uma atmosfera aconchegante e intimista.

A iluminação instalada no forro tende a focar e pontuar o que quer que esteja no móvel. Ela é ideal para dar destaque a obras de arte, peças de decoração e objetos que mereçam atenção maior.

3) Materiais: 

Existem muitos materiais e acabamentos que podem ser usados nas estantes: madeira, vidro e metal são alguns deles. Segundo Patricia Pena, a escolha deve estar diretamente associada ao tipo e peso de objetos que serão acomodados na peça, bem como estar vinculada, também, ao resultado estético. “Avaliar a resistência e a durabilidade do material é fundamental”, comenta.

Cada material possui suas vantagens, desvantagens e aplicações mais indicadas. A madeira natural, por exemplo, é em geral resistente ao peso e deformidades. Dependendo do acabamento que receber, torna-se mais resistente à impacto e umidade, principalmente quando com é tratada com vernizes e impermeabilizantes. No mercado existem múltiplos tipos, do rústico ao contemporâneo.

Veja também:

O MDF laminado, aquele que vem pronto de fábrica, tem a vantagem do custo-benefício e uma gama de acabamentos: brilhantes, opacos, madeirados e lisos. Ele também é resistente aos impactos (com as devidas precauções), porém não possui a mesma defesa contra a umidade, sobretudo quando esta atinge o cerne do material. A luz solar e o calor excessivo podem alterar sua integridade física. Outro detalhe é a finalização das quinas. Por tratar-se de uma matéria-prima “pronta”, fitas de acabamento são necessárias e, nem sempre, são agradáveis aos olhos ou permitem bons resultados.

Há ainda o MDF cru, que pode receber lâminas naturais de madeira ou pinturas do tipo “laca”. As possibilidades de acabamento são, também, muito diversas, mas o custo de execução aumenta em torno de 30%, no mínimo. Estes são menos resistentes à impactos e igualmente frágeis à umidade. A luz solar e calor excessivo também podem alterar suas características.

Já o vidro é delicado, fluido, mas tem limitações quanto às dimensões e aplicabilidades. Nesse caso, os modelos vão do clássico ao super moderno.

O metal, por sua vez, é polivalente! Pode ser acompanhado da madeira, do laminado, do vidro ou dele mesmo!

Sendo possível receber as mais diversas pinturas e finalizações: rústicos, acetinados, brilhantes, metalizados etc. “A mistura de materiais também é muito bem-vinda! O resultado pode ser incrível e ainda mais original”, enfatiza a profissional. Uma estante com acabamento madeirado pode receber nichos ou prateleiras pintados, metálicos, em vidro ou até mesmo, couro.

Foto: Marco Tiê

4) Estantes na cozinha: 

Engana-se quem pensa que a cozinha não pode receber uma estante. Afinal, o espaço pede sim um móvel bonito e funcional para eletrodomésticos e louças.

Fotos: João Paulo Duque

Móveis abertos deixam objetos a mostra, porém os deixam mais suscetíveis à poeira e demandam constante cautela. Já uma estante com portas, ainda que com alguns nichos abertos, permite mais liberdade quanto ao que será armazenado.

5) Estantes dividindo ambientes: 

Essas peças ainda podem servir de divisórias entre ambientes, delimitando os espaços de forma sutil. “Realizamos um projeto residencial onde uma estante metálica com fechamento em vidro foi proposta para o living. Executada sob medida, ela serve de expositor de objetos de arte, taças e copos, além de divisória, pois “separa” o hall social, do jantar. Minimalista e funcional”exemplifica a arquiteta.

Veja também:

Fotos: Leandro Moraes

Este é, então, um exemplo dentre muitos, onde estantes saem da mera função de armazenagem ou exposição adornos, livros e objetos, assumindo um papel na arquitetura e layout do ambiente.

Fique por dentro de nossas notícias na página do DecorStyle no Facebook ou no nosso site www.decorstyle.ig.com.br

Veja também

+ Mudaram as regras para compra de carro para PCD; veja como ficou

+ Carol Nakamura compartilha projeto de sua mansão de R$ 2 milhões; veja

+ 20 passos simples para dar uma cara nova para sua casa

+ Você acha Gracyanne Barbosa sarada? É quer nunca viu a médica Chinesa Yuan Herong

+ Relógio de R$ 3 milhões de Faustão é inspirado em supercarro da Bugatti; veja

+ Dicas fáceis de como limpar panela queimada

+ Enio Mainardi, publicitário e pai de Diogo Mainardi, morre de covid-19

+ Quarto feminino: 6 dicas que você precisa saber antes de planejar o seu

+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las

+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo




arrow