6 tendências de decoração dos anos 80 que estão bombando -

6 tendências de decoração dos anos 80 que estão bombando

O estilo de decoração dos anos 80 está de volta aos holofotes. Quando você pensa nesta década, entretanto, você pode pensar em palavras como exagero, ousadia e extravagância.

Claro, os anos 80 tinham tons pastéis de algodão doce e cores primárias, paredes de blocos de vidro e móveis robustos, muitas vezes sob num mesmo ambiente.

Isso não significa que certas tendências deste período não possam ser adaptadas para interiores mais contemporâneos. Shelby Greene, estilista de operações de estúdio da Living Spaces, considera o estilo dos anos 80 nostálgico e divertido, o que pode trazer conforto e um pouco de capricho para uma casa.

Veja também:

O segredo para trabalhar as tendências dos anos 80 em seu espaço? Não exagere! “Comece com peças neutras maiores e construa a partir delas”, diz Greene, que sugere adicionar acessórios inspirados nos anos 80 em estantes, mantos e mesas de centro.

No entanto, nem todas as tendências dos anos 80 são criadas da mesma forma. Se você quiser canalizar essa estética, essas são as tendências que os designers profissionais dizem que você não se arrependerá de introduzir em sua casa.

Acrílico
Foto: Marie-Lyne Quirion

É claro que acrílico está voltando, e é um material fácil dos anos 80 para trazer para seus interiores. “Acrílico se presta a qualquer estética de design, do tradicional ao moderno e tudo mais”, dizem os designers Matthew Wetzel e Dona Thomas, da Thomas Matthew Designs.

Visualmente, a dupla de decoradores adora o material transparente porque não ocupa muito espaço e reflete a luz, o que ajuda a tornar o ambiente menos bagunçado e mais aberto.

“Acrílico é ótimo para espaços pequenos que precisam de assentos, estantes ou mesa adicionais, mas não têm espaço para itens maiores e mais volumosos”, dizem eles.

A chave para modernizar esse material é misturá-lo com madeiras, metais e estofados. Experimente cadeiras de jantar transparentes ou mesmo uma mesa de centro transparente ao lado de outros móveis mais substanciais.

Toques de cores ousadas
Foto: Emma Fiala

Os anos 80 foram repletos de cores fortes e sucessos de tons pastel. Se ter paredes, tapetes, móveis e decoração coloridos é a sua vontade, vá com tudo. Se você está mais do lado minimalista do espectro de design, você ainda pode incorporar algumas vibrações dos anos 80 usando detalhes coloridos cuidadosamente selecionados.

O designer Gunnar Larson diz que a tendência de tudo branco tem estado com força total nos últimos anos. Esse cenário reluzente, no entanto, é realmente perfeito para fazer experiências com cores. “Construir em uma decoração totalmente branca com toques de cores e formas de cores vibrantes é tão divertido e fácil”, diz Larson.

“Cole algumas formas de forma livre na parede e pegue um pouco de tinta rosa ou verde e dê um toque na parede!”

Uma ótima regra ao introduzir cores é escolher três tons principais e usar essa paleta em todo o seu espaço. Experimente uma combinação divertida, como azul, vermelho e preto, como visto no apartamento acima. Se pintar for trabalhoso demais para você, considere a arte geométrica da parede, que pode ser facilmente substituída se sua estética mudar.

Memphis design
Foto: Marie-Lyne Quirion

O movimento Memphis Design começou em 1980 como uma rebelião contra o minimalismo e as linhas retas dos anos 1970, e seu criador, Ettore Sottsass, certamente foi inspirado pela geometria Art Déco e pela paleta de cores da Pop Art.

“O Memphis Design está voltando com grandes peças de mobiliário geometricamente interessantes, bordas curvas, cores, padrões e elementos de neon ousados”, diz Greene.

No entanto, transformar sua casa em um museu de arte pop é um pouco arriscado, especialmente porque as peças autênticas de Memphis podem custar muito caro. Para Greene, a melhor maneira de canalizar esse visual é adicionar um espelho, mesa ou até mesmo vaso geometricamente interessante em um ou mais de seus cômodos.

Veja também:
Sofás profundos
Foto: Kai Byrd

Nos anos 80, os sofás eram baixos, profundos e ousados. Seja coberto de florais ou veludos vibrantes, o conforto era o nome do jogo quando se tratava de sentar, e isso é algo que está surgindo novamente – e francamente vale a pena considerar, de acordo com Greene, se você está em busca de um novo sofá.

As linhas do meio do século podem ser limpas, mas certamente nem sempre são tão confortáveis ​​quanto um corte desleixado saído diretamente dos anos 1980. “Os sofás baixos são muito populares hoje em dia, com muito espaço para companhia e descanso”, diz Greene.

Eles são ótimos para pessoas que querem relaxar, quase como se [estivessem recebendo] um grande abraço. Em vez de duplicar o visual dos anos 80 aqui, por uma questão de longevidade, pode ser melhor escolher algo sólido em algodão, linho ou veludo para seu estofamento.

Móveis de latão
Foto: Bazaar

O latão é um material da década de 1980 que simplesmente volta sempre no topo das tendências, e é por um bom motivo: o latão traz muito calor, personalidade e brilho sutil a um espaço. Para manter o latão atual e moderno, Wetzel e Thomas recomendam misturá-lo com outros metais.

“Tente colocá-lo em sua casa com luminárias, torneiras ou acabamento de metal em sua mesa de centro”, dizem eles. “A mistura de latão com tons escuros criará uma vibração rica e misteriosa, enquanto a mistura de latão com tons mais leves dará um frescor moderno ao seu espaço.”

O designer James Farmer diz que o tom de latão que você escolhe é a chave para um look estiloso que vai durar. “Não precisa ser polido e brilhante”, diz Farmer. “Latão antigo ou francês é fabuloso em qualquer década.”

Painel de madeira 
Foto: Stephanie Russo

Lembra daquelas garagens de eletrodomésticos e armários de cozinha com rodinhas da década de 1980? Bem, o painel de madeira que tornou essas peças possíveis está de volta, e desta vez, este material está mais elegante e robusto do que nunca.

“Painel de madeira é funcional e economiza espaço”, diz Larson. “O que adoro no design e na aparência é que é tão elegante e moderno, mas apresenta textura e padrão de uma forma simples.”

Os detalhes em madeira nunca saem de moda, o que o torna uma tendência atraente dos anos 80 para trazer para o seu espaço. Afinal, o painel de madeira é composto apenas de tiras de madeira bem próximas.

Por fim, você não precisa usar toques de painel de madeira apenas na cozinha. Então, experimente incorporar em seu espaço com uma escrivaninha roll-top, uma estante de canto que pode funcionar como uma barra ou até mesmo na frente de sua lareira.

Veja também:

Fique por dentro de nossas notícias na página do DecorStyle no Facebook ou no nosso site www.decorstyle.ig.com.br

Veja também

+ Mudaram as regras para compra de carro para PCD; veja como ficou

+ Carol Nakamura compartilha projeto de sua mansão de R$ 2 milhões; veja

+ 20 passos simples para dar uma cara nova para sua casa

+ Você acha Gracyanne Barbosa sarada? É quer nunca viu a médica Chinesa Yuan Herong

+ Relógio de R$ 3 milhões de Faustão é inspirado em supercarro da Bugatti; veja

+ Dicas fáceis de como limpar panela queimada

+ Enio Mainardi, publicitário e pai de Diogo Mainardi, morre de covid-19

+ Quarto feminino: 6 dicas que você precisa saber antes de planejar o seu

+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las

+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo




arrow