O artista argentino Leandro Erlich criou uma piscina ilusória que parece estar cheia de água. Instalada como uma exposição permanente no Museu de Arte Contemporânea do Século 21 em Kanazawa, Japão, a água da piscina fica somentes acima da superfície de vidro, tendo somente 10 cm de profundidade.

Por baixo do vidro espesso, está uma sala onde os espectadores podem entrar, convidando a uma experiência compartilhada de admiração na piscina ilusória, tanto dentro dela como por cima.