As 5 tendências de design de interiores de 2020 que vieram para ficar -

As 5 tendências de design de interiores de 2020 que vieram para ficar

De glamuroso e brilhante a um paraíso repleto de plantas, este ano traz a mais ampla gama de tendências de design de interiores interessantes, todas com o objetivo de converter sua casa em um espaço convidativo e altamente selecionado.

Esteja você se concentrando em elevar a aparência de seu banheiro, atualizando seu quarto ou simplesmente interessado em tornar seu espaço mais sustentável, nós ajudamos você.

Continue lendo para descobrir cinco tendências atuais de design de interiores para lindos espaços luxuosos.

Veja também:
1. Acabamentos brilhantes e glamurosos

De acabamentos madrepérola a ladrilhos marroquinos brilhantes, o brilho é uma das maiores tendências do momento – o tipo sutil, mas impactante. Enquanto o brilho e o glamour opulento estão fora de questão, os designers de interiores de todos os lugares estão incorporando acabamentos brilhantes em seus designs sofisticados, seja em banheiros, cozinhas ou corredores de luxo.

Se você está procurando uma maneira de incorporar um brilho refinado ao seu espaço, peça emprestado da beleza e elegância atemporais das pérolas e opte por azulejos iridescentes em madrepérola para banheiro ou luxuosos backsplashes.

 

Além disso, a madeira com alto lacado tem sido uma tendência emergente nas últimas temporadas, portanto, optar por acabamentos de madeira que dão brilho é definitivamente uma opção. Ao optar por madeira lacada, opte por tons médios em vez de tons escuros – e definitivamente aceite as madeiras claras como uma característica dominante.
2. Um jogo de metais
Nesta temporada, acabamentos de cobre combinam perfeitamente com tons de prata e acabamentos de ouro e metais pretos fazem combos atraentes. Poranto, pense nisso como uma nova maneira de variar, mas com um conjunto preciso de regras. 
Veja também:
 Misturar e combinar metais deve seguir esta orientação simples: sempre opte por um metal e uma cor dominantes e adicione o seu segundo como um toque, a fim de evitar conflito. Combinar metais quentes (ouro, cobre ou latão) com metais frios (alumínio, prata ou aço inoxidável) é definitivamente viável ao aplicar esta regra simples, e adicionar metais neutros por cima, como ferro ou metais pretos, é bem-vindo.
Para evitar que seu espaço pareça muito frio ao usar uma mistura de metais, combine seus toques industriais com texturas e tons quentes, como veludo, linho, pedra ou madeiras naturais.
3. Oásis infundido pela natureza

De papéis de parede inspirados na vegetação a verdadeiras selvas internas cheias de vegetação exuberante e apelo exótico, a tendência está mais forte do que nunca.

Se você está trabalhando com um espaço ao ar livre, as escolhas são óbvias – simplesmente não existe nada melhor do que “muito verde”. Agora, mais do que nunca, opte por uma vegetação única, incluindo plantas exóticas, vegetação alta e uma infinidade de tons de verde saturados, todos transmitindo uma sensação de suntuosidade.

Para um espaço interno, definitivamente pense além da mania das “plantas em vasos”. Tornar a natureza parte dos interiores é algo importante em 2020 – seja isso significar engenhosidade arquitetônica que incorpora árvores antigas e impressionantemente grandes em sua casa, jardins internos ou uma mistura de espaços internos e externos que são uma extensão verde de sua área de estar.

4. Uma infinidade de curvas

O mobiliário vai além da funcionalidade e do conforto em 2020, na verdade, eleva-se ao nível de arte, de obra-prima, se preferir.

Estamos vendo cada vez mais peças de mobiliário de referência, de sofás luxuosos a consoles, que são concebidos como verdadeiras peças de arte, com o objetivo de ser o ponto focal de espaços luxuosos.

Mas os designs deste ano deixam para trás ângulos pontiagudos e arestas vivas e abrangem uma infinidade de curvas atraentes. Se está a redecorar a sua sala, um sofá curvo em veludo de luxo é uma óptima opção que oferece mais do que praticidade.

Veja também:

Adicionando interesse visual a um espaço, as curvas estão por toda parte – desde a arte que você pendura nas paredes até as mesas de centro e as poltronas.

Portanto, abrace toda a gama de círculos, semicírculos e peças inspiradas nas fases da lua para um espaço que transmite muito mais do que a funcionalidade básica.

5. Design sustentável

Indo além da estética do design de interiores, os ambientes sustentáveis ​​têm crescido nos últimos anos. No entanto, em termos de design, a sustentabilidade se traduz em redução de resíduos, baixo impacto ambiental, eficiência energética e longevidade.

Imagens: Reprodução/Luxury Lifestyle Magazine

 

Assim como o ‘fast fashion’, a nova direção significa deixar a “decoração rápida” para trás e criar interiores projetados para durar. Isso tudo com o apelo atemporal e que minimizam os custos de energia.

Existem maneiras simples de aplicar as diretrizes de sustentabilidade em seu espaço. Por exemplo, desde a opção por materiais naturais até o planejamento de iluminação com eficiência energética do espaço.

Por fim, mesmo passos simples, como permitir a entrada de luz natural e fazer compras localmente, podem ter um impacto valioso.

Fique por dentro de nossas notícias na página do DecorStyle no Facebook ou no nosso site www.decorstyle.ig.com.br

Veja também

+ Mudaram as regras para compra de carro para PCD; veja como ficou

+ Carol Nakamura compartilha projeto de sua mansão de R$ 2 milhões; veja

+ 20 passos simples para dar uma cara nova para sua casa

+ Você acha Gracyanne Barbosa sarada? É quer nunca viu a médica Chinesa Yuan Herong

+ Relógio de R$ 3 milhões de Faustão é inspirado em supercarro da Bugatti; veja

+ Dicas fáceis de como limpar panela queimada

+ Enio Mainardi, publicitário e pai de Diogo Mainardi, morre de covid-19

+ Quarto feminino: 6 dicas que você precisa saber antes de planejar o seu

+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las

+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo




arrow