Com a designer têxtil e tecelã britânica-chinesa Elaine Yan Ling Ng no comando da marca suíça Nature Squared como sua principal inovadora, a empresa descobriu como transformar resíduos de cascas de ovo de galinha que, de outra forma, iriam parar em um aterro sanitário em uma técnica chamada Carrelé, uma coleção sustentável de azulejos que têm a aparência chique e salpicada de mosaico. “Embora tenhamos tendência a associá-los à fragilidade, [as cascas dos ovos são] na verdade muito fortes e naturalmente resistentes aos raios ultravioleta”, diz Ng.

Feitos à mão nas Filipinas, os azulejos ecológicos começam como cascas de ovo brancas orgânicas de padarias e cozinhas locais. Em seguida, as peças são limpas e trituradas em tamanhos diferentes e lixadas em fragmentos de 3 milímetros. Corantes naturais são adicionados para obter os tons naturais antes que o composto seja torrado.