Casa pequena: lições incríveis para aproveitar ao máximo os espaços -

Casa pequena: lições incríveis para aproveitar ao máximo os espaços

Ao reformar esse sobrado estreito, em São Paulo, Cezar Scarpato optou por um décor clean e iluminado, valorizado pela integração de ambientes. Foto: Bicubico

Um terreno estreito, de apenas 4 x 7,70 m, se transformou em um verdadeiro reduto urbano nas mãos do arquiteto e paisagista Cezar Scarpato, que encontrou neste sobrado geminado de 110 m² o local perfeito para viver com a sua esposa e a sua enteada.

Localizado em um condomínio na zona norte de São Paulo, o imóvel passou por uma reforma completa, que durou cerca de dois meses. “A ideia de integração logo surgiu como solução. A reforma de revestimento, que traz no piso um porcelanato que evoca o mármore calacata, e a quebra de algumas paredes priorizou pelo aconchego e pela estética clean, permitindo bastante entrada de iluminação natural e boa ventilação”, explica o profissional.

Veja também:
Ao reformar esse sobrado estreito, em São Paulo, Cezar Scarpato optou por um décor clean e iluminado, valorizado pela integração de ambientes. Foto: Bicubico
Ao reformar esse sobrado estreito, em São Paulo, Cezar Scarpato optou por um décor clean e iluminado, valorizado pela integração de ambientes. Foto: Bicubico

Para a concepção do projeto, cada cantinho foi aproveitado, criando um lar arejado e sem barreiras, com pavimentos interligados e identidade estética forte. “Prezamos por uma linguagem clean, mas aconchegante, em todo espaço de estar e cozinha, que conta com uma paleta com três tons predominantes – o branco, o preto e a madeira, que se desdobram em suas nuances”, afirma Cezar Scarpato.

A área social ganhou estar e cozinha integrados, e um dos destaques arquitetônicos ficou para a caixa da escada, que se tornou o elemento principal da decoração, fazendo um eixo de circulação vertical importante que conecta o estar com a área de lazer, na cobertura. “Foi a partir da escada que desdobrei o conceito visual do projeto, mantendo seu revestimento original, um granito verde ubatuba”, diz. Para dar destaque, o painel de MDF ripado se estende também para o forro, delimitando a área de refeições, em uma estética acolhedora.

A caixa da escada se tornou um dos elementos centrais do projeto, determinando toda a paleta de cores. O forro de madeira traz aconchego e delimita também a sala de jantar. Foto: Bicubico

Como não poderia faltar, o estar contou também com um home office especial, alocado onde antes havia uma pequena área de serviço. “Derrubamos a parede, tiramos a porta e nivelamos o piso, integrando-a com o restante da casa”, afirma Scarpato. O pilar estrutural que não pode ser retirado acabou por ajudar a delimitar o espaço e a iluminação zenital, permitida através de um teto de vidro, trouxe toda luz natural necessária para o andar térreo. Para complementar, um vistoso jardim vertical com espécies tropicais trouxe o frescor do verde para dentro de casa.

Bem iluminado, o home-office se tornou um dos espaços mais energizantes do projeto. A parede estrutural foi revestida com pastilhas tridimensionais, criando um efeito visual impactante. Foto: Bicubico

Favorecendo a integração visual dos ambientes com dimensões reduzidas, todo o mobiliário escolhido segue a mesma paleta de cores, com predominância do tom claro, e suas formas e quinas mais arredondadas suavizam o décor, garantindo também uma circulação mais segura.

A cozinha foi pensada para ser prática e enxuta. Para isso, a marcenaria planejada foi essencial, com vários armários, gaveteiros e nichos para os eletrodomésticos. Na bancada, o granito traz o mesmo tom encontrado na pisada da escada, e o revestimento de porcelanato do piso se estende também para as paredes. Foto: Bicubico

Nas áreas íntimas, o conforto extra veio por meio do piso vinílico que evoca a madeira e, na cobertura, o que antes era uma simples laje se transformou em um verdadeiro spa ao ar livre, com hidromassagem, churrasqueira, horta e área para refeições. “Apesar do pequeno espaço, a ideia aqui foi aproveitar tudo o que uma casa poderia ter”, comenta Cezar.

Na suíte master, todo o aconchego foi alcançado através dos tons neutros e da cabeceira de madeira, no mesmo tom do piso vinílico. Foto: Bicubico

Para proteger do sol, a cobertura de estrutura metálica de alumínio preto, com caibros de pinus autoclavado, foi essencial. “Criamos ainda uma pequena claraboia de treliça de madeira, deixando um pouco do sol passar”. Perfeita para as horas de lazer, a hidromassagem foi uma escolha inteligente, pois é mais compacta e oferece ainda a opção de água aquecida, para os dias mais frescos. Ela foi apoiada diretamente sobre a laje e é envolta por um deck de madeira.

Destaque do projeto, a laje foi transformada em uma cobertura dos sonhos, com direito a spa com hidromassagem e deck de madeira. Foto: Bicubico

Bem distribuída, a cobertura ganhou ainda uma mesa para refeições, abrigada pela estrutura de metal e madeira. A bancada conta com banquetas altas e um cantinho do bar – tudo pensado para ser prático, funcional e aconchegante. No cantinho da churrasqueira, destaque para o revestimento de porcelanato que evoca o aço corten. Ele camufla a churrasqueira pré-fabricada de concreto e mantém a paleta de cores de toda a casa. A cobertura ainda ganhou um um cantinho com vaso com temperos e ervas – como manjericão, pimenta e capuchinha – além da primavera, que se destaca com suas flores de cor vibrante. Seixos camuflam o piso da laje, onde o deck não chegava, dando a sensação de ser de fato um jardim.

Completa, a cobertura conta com um cantinho para a churrasqueira, horta e mesa para refeições protegida por uma estrutura de metal e madeira. Foto: Bicubico

“Amamos o contato com a natureza e queríamos um lar aconchegante, para ser um respiro em meio a cidade”, comenta Cezar.

Veja também:

Fique por dentro de nossas notícias na página do DecorStyle no Facebook ou no nosso site www.decorstyle.ig.com.br






arrow