DIY: Panasonic inventa cubículo de isolamento para home office -

DIY: Panasonic inventa cubículo de isolamento para home office

A Panasonic pode ser conhecida por seus eletrônicos, mas não é a única coisa que eles fazem. Eles também fabricam cozinhas, banheiros e outras coisas habitacionais. É realmente uma surpresa.

Como as pessoas podem trabalhar em casa por mais tempo do que o esperado, esta empresa japonesa decidiu criar este mobiliário DIY que pode ser uma grande ajuda para o home office.

Veja também:

Portanto, seu último lançamento é o Komoru [que se traduz como “isolar-se”], e é o resultado de um ambiente de home office induzido por uma pandemia prolongada.

Imagem: Divulgação/Panasonic

De acordo com uma pesquisa da Panasonic, 70% das pessoas, se puderem, preferem alguma forma de trabalhar em casa. Ao mesmo tempo, 50% dos entrevistados também afirmam que seu cômodo principal em casa é a sala de estar.

Veja também:

Por fim, o cubículo DIY para home office será um pouco caro, já que a Panasonic planeja vendê-lo a partir setembro por cerca de US$ 831 (R$ 4.500).

Veja também:

Fique por dentro de nossas notícias na página do DecorStyle no Facebook ou no nosso site www.decorstyle.ig.com.br

Veja também

+ Mudaram as regras para compra de carro para PCD; veja como ficou

+ Carol Nakamura compartilha projeto de sua mansão de R$ 2 milhões; veja

+ 20 passos simples para dar uma cara nova para sua casa

+ Você acha Gracyanne Barbosa sarada? É quer nunca viu a médica Chinesa Yuan Herong

+ Relógio de R$ 3 milhões de Faustão é inspirado em supercarro da Bugatti; veja

+ Dicas fáceis de como limpar panela queimada

+ Enio Mainardi, publicitário e pai de Diogo Mainardi, morre de covid-19

+ Quarto feminino: 6 dicas que você precisa saber antes de planejar o seu

+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las

+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo




arrow