Primeiro apartamento: confira reforma do imóvel de 70 m² decorado para um amante de viagens -

Primeiro apartamento: confira reforma do imóvel de 70 m² decorado para um amante de viagens

Proporcionar um lar com um dia a dia prático e de fácil manutenção foi o desafio lançado para as arquitetas Claudia Yamada e Monike Lafuente, ao reformar o apartamento de 70 m², localizado na cidade de São Paulo.

“O morador é jovem e havia acabado de conquistar seu primeiro apartamento para viver a experiência de cuidar-se fora do seu reduto familiar. Entendemos então que este deveria ser um espaço totalmente novo e diferente do que ele possuía na casa anterior – que revela os desejos dos pais, e não dele”, conta Claudia.

Foto: Estúdio São Paulo

Para o décor de interiores, a dupla apostou no estilo industrial mesclado com elementos que refletissem as experiências, paixões e personalidade do morador. “Durante o briefing, um dos pontos que ele mais enfatizou foi o amor por viajar”, relembra Monike. E nesse contato valioso que estabeleceram para buscar as referências presentes no projeto, descobriram também que o jovem proprietário já havia morado nos Estados Unidos e na Inglaterra – passagens eternizadas em sua trajetória e que foram trazidas para a memória afetiva de sua morada.

Veja também:

No apartamento com área social integrada, os ambientes ganharam toques de azul, cor presente na bandeira dos dois países, e o laranja, uma referência aos tijolinhos famosos nas fachadas londrinas. “Apostamos no resultado harmonioso de uma paleta de tons fortes”, enaltece Claudia.

Com delicadeza, os tons fortes foram concentrados em elementos centrais como o rack suspenso e o tapete | Foto: Estúdio São Paulo

Com sala de estar, cozinha e terraço conectados, as arquitetas exploraram o pé-direito alto do imóvel para favorecer a amplitude visual. Para conseguir essa integração entre living e o terraço, foi removido o caixilho que separava os ambientes e aplicado o mesmo piso por toda extensão. O tapete, em tom forte de azul, ajuda a delimitar os espaços e harmoniza com o cinza do sofá, que por sua vez recebeu manta e almofadas em cores claras, deixando-o ainda mais convidativo para uma maratona de filmes e séries.

Um mini cenário dentro de um cômodo grande e integrado! Espécies de plantas, tapetes e a poltrona com apoio para os pés | Foto: Estúdio São Paulo

No terraço, Claudia e Monike realizaram um cantinho superconfortável para leitura e descanso. Com tapete mais felpudo e poltrona de camurça, na cor marsala, a proposta do ambiente emana aconchego para um descanso noturno ou o merecido ócio aos finais de semana.  “Além de prestigiar o projeto com uso máximo de todos os espaços, ideias assim deixam a casa muito mais elegante e setorizada”, relaciona Monike.

Veja também:

Passando para a cozinha, que contempla uma visão abrangente da ala social, o projeto aproveitou o espaço vertical generoso para a execução dos armários. “Como o cliente é super prático, ele não precisava de uma cozinha com tantos acessórios. O cooktop, por exemplo, é de apenas duas bocas”, enumera Claudia.

No jantar, as cadeiras com acento e estrutura laranja realçaram o amadeirado claro da mesa. Detalhes para a curadoria das profissionais para a escolha dos objetivos decorativos | Foto: Estúdio São Paulo

Como apoio extra para a bancada, a cozinha também conta com uma ilha. A mesa de jantar, por sua vez, explora a madeira e tem cadeiras com estofado laranja.

O painel de madeira, com a porta mimetizada, resguarda a entrada para o dormitório | Foto: Estúdio São Paulo

Outro pedido contundente do cliente foi para a divisão existente entre a parte social e seu dormitório. “Dessa divisória nasceu o grande partido do projeto, que se trata de um ‘L’ da entrada até a parede e que se estende para o terraço. Para tanto, trabalhamos com um painel de madeira e iluminação indireta, de forma a enfatizar esse volume novo que criamos”, explica Claudia. O painel conta com portas mimetizadas – uma para o lavabo, outra para a área íntima.

Na parede lateral do dormitório, a reprodução do mapa mundi também remete às viagens do morador. No décor, o tijolinho aparente e, mais uma vez, o mix entre o azul presente na cabeceira de marcenaria e os pendentes laranjas | Foto: Estúdio São Paulo

Com 12 m², o dormitório tem como destaque a parede de tijolinhos, muito comum nas construções inglesas. Ela cria um contraste com a cabeceira azul, tom escolhido também por sua contemporaneidade. O painel em laca conta ainda com iluminação embutida, em LED, que valoriza todo o espaço. “A cor também ajudou a deixar o espaço mais aconchegante, dando um toque de personalidade”, finaliza Claudia.

Fique por dentro de nossas notícias na página do DecorStyle no Facebook ou no nosso site www.decorstyle.ig.com.br

Veja também:

+ Descubra as maiores tendências de cozinha que estão bombando em 2021

+ Cozinha afetiva: dicas e inspirações para uma decoração que exalta as memórias

+ A “Moto do Ano 2021” na Alemanha

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Conheça o iate de luxo de Giorgio Armani: ele mesmo projetou e custa R$ 330 milhões

+ Cozinhas coloridas: veja dicas essenciais para apostar em projetos alegres, modernos e joviais

+ Previsões de Nostradamus para 2021: Asteróide e ‘fim de todo o mundo’

+ Bruna Lombardi posta foto nua aos 68 anos

+ Bruna Marquezine posa de biquíni no Copacabana Palace. Confira as fotos!

+ Os 3 signos mais sensitivos do zodíaco

+ Os ‘Sapatos de Satanás’ do rapper Lil Nas X conterão uma gota de sangue humano

+ O bico do seu p… é rosa? Juliana Caetano, responde a fã de maneira ousada







arrow