Tudo o que você precisa saber para uma lavanderia simples e prática -

Tudo o que você precisa saber para uma lavanderia simples e prática

Pequena, escondida no fundo da cozinha e cenário de algumas das atividades mais trabalhosas da rotina doméstica… Não é para menos que a lavanderia acaba ficando por último quando o assunto é projeto de interiores.

Porém, o que muita gente não imagina é como o planejamento da lavanderia pode otimizar as tarefas diárias.

Como nos demais ambientes da casa, a infraestrutura é o ponto inicial. O arquiteto Bruno Moraes profissional observa que é preciso avaliar a posição do tanque e saída de água para a máquina de lavar, pois, em muitos casos, o modelo pronto entregue pela construtora não atende a família.

Veja também:

Quanto à iluminação, os imóveis novos costumam apresentar apenas uma estrutura básica, demandando projeto de luz para mais eficiência da área de serviço.

Imagens: Luis Gomes

Pequenas mudanças, grandes resultados:

Um bom exemplo sobre alterações na lavanderia é a substituição do tanque de cerâmica por um modelo de inox, que pode ser menor e embutido na marcenaria, possibilitando o melhor aproveitamento.

A troca permite um ganho de espaço na parte de baixo, que empregamos para o armazenamento de itens”, ressalta Bruno. Sobre o eletrodoméstico principal, o arquiteto indica a opção pela máquina de lavar com abertura frontal, permitindo que a parte superior esteja livre para apoio.

Executando o projeto:

1 Revestimento

Após pensar no layout mais funcional, a atenção com o revestimento é imprescindível. Se a lavanderia for integrada com a cozinha, a recomendação é manter a unidade visual entre os espaços, adotando o mesmo modelo padrão para os dois cômodos. Junto com esse pensamento, considere outras questões como facilidade para limpeza, acabamento que diminua a retenção de gordura e, no caso do piso, que não ofereça riscos de acidentes quando molhado.

2 Marcenaria

Também na lavanderia, a marcenaria é uma grande aliada na organização. Mas para que seja realmente funcional, é preciso elaborar um planejamento que deve considerar o que é realmente necessário para o habitante da casa, em termos de funcionalidade.

Sempre busco compreender quais as expectativas dos clientes quanto à utilização do ambiente. Os hábitos mudam de pessoa para pessoa”, relata Bruno.

Em linhas gerais, além de produtos para as roupas e a limpeza geral do imóvel, itens de rotina como rodo, vassoura, aspirador de pó, ferro e tábua de passar devem ser contemplados no cálculo do desenho da marcenaria. “Com tudo guardado, eliminamos a sensação de bagunça e ainda trazemos a segurança para quem tem criança ou pets em casa”, completa.

3 Acabamentos

Por se tratar de um ambiente úmido, o material utilizado nos móveis deve ser analisado. Mesmo que o morador seja cuidadoso, invariavelmente acaba-se molhando em alguns momentos. Por isso, a instrução é especificar móveis com acabamento “BP”.

Portanto, a sigla, que vem de baixa pressão, é a técnica usada para prensar um papel com resina melamínica sobre a chapa de madeira, formando uma camada protetora no caso de umidade direta sobre a chapa de MDF ou MDP.

4 Acessórios e decoração

E como os detalhes fazem a diferença, alguns acessórios são indispensáveis no projeto da lavanderia. Cestos maiores ajudam a organizar as roupas por cor ou, até se estão limpas ou sujas e, nas versões menores, são ótimos para colocar prendedores.

Além disso, outro item que tem ganhado espaço nos projetos de lavanderia são os varões. “Opto por incluir o item para pendurar as roupas diretamente no cabide, evitando a necessidade de passar”, explica.

Integrar ou não com a cozinha?

Por uma questão de comodidade, sempre que possível procure separar os dois ambientes. “Quando se está com roupa estendida no varal e chega visitas em casa, a área de serviço integrada e aberta não permite esconder as roupas. Porém, com uma porta para essa divisão, tudo fica mais prático”, enfatiza Bruno.

Mas em alguns casos, a integração é inevitável, como em apartamentos muito pequenos. Portanto, dentro desse perfil,o arquiteto sugere seguir com a padronização dos acabamentos, tampo e marcenaria empregados na cozinha. Para um visual ainda mais harmonioso, a solução para esconder varal, tanque e máquina de lavar é embuti-los atrás de um armário ou portas, camuflando tudo.

Veja também:

Fique por dentro de nossas notícias na página do DecorStyle no Facebook ou no nosso site www.decorstyle.ig.com.br

Veja também

+ Mudaram as regras para compra de carro para PCD; veja como ficou

+ Carol Nakamura compartilha projeto de sua mansão de R$ 2 milhões; veja

+ 20 passos simples para dar uma cara nova para sua casa

+ Você acha Gracyanne Barbosa sarada? É quer nunca viu a médica Chinesa Yuan Herong

+ Relógio de R$ 3 milhões de Faustão é inspirado em supercarro da Bugatti; veja

+ Dicas fáceis de como limpar panela queimada

+ Enio Mainardi, publicitário e pai de Diogo Mainardi, morre de covid-19

+ Quarto feminino: 6 dicas que você precisa saber antes de planejar o seu

+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las

+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo




arrow